Trabalhadores farão Dia Nacional de Luta em Defesa das Empresas Públicas


Eletrobras, Petrobras, Sabesp, Metrô, Correios, Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e outras empresas estatais estão ameaçadas de privatização pelo governo golpista de Temer e outros governantes que defendem a mesma cartilha neoliberal de estado mínimo para a população e lucros máximos para o capital privado.
Para fazer frente à venda do nosso patrimônio, o movimento sindical bancário realizará, na quinta-feira 5 de julho, o Dia Nacional de Luta em Defesa das Empresas Públicas.
O Sindicato dos Bancários convoca petroleiros, eletricitários, urbanitários, metroviários, funcionários dos Correios e trabalhadores de empresas públicas nacionais, estaduais e municipais, a participarem do ato do dia 5, que na capital paulista ocorrerá na Praça da Sé, em frente à Caixa, com concentração a partir das 11h.
O Sindicato lembra que a liminar expedida na quarta-feira 27 pelo Supremo Tribunal Federal (STF) – que impede a venda, sem autorização do Legislativo, do controle acionário de empresas públicas de economia mista – foi uma vitória dos trabalhadores.
Mas a luta em defesa do nosso patrimônio deve continuar. Assim, todos estão convocados para mais esse dia nacional de mobilização”, convoca Dionísio Reis, diretor executivo do Sindicato e coordenador da Comissão Executiva dos Empregados da Caixa (CEE/Caixa).

Fonte: SPBancarios